O avanço da tecnologia é cada vez vez mais inevitável, e não é diferente com as redes sociais. Elas estão em todo lugar, inclusive no ambiente de trabalho. Quando usadas de maneira correta, as redes sociais, sejam nesse caso corporativas ou não, tornam-se recursos que ajudam a manter o fluxo de informação dentro da empresa. Agora, quando utilizadas incorretamente, viram ferramentas de distração.

É por isso, que neste post, vamos entender o impacto das redes sociais em alguns locais de trabalho e entender até que ponto ela se torna uma ferramenta ou uma distração. Boa leitura!

 

Antes de tudo...

É importante dizer que proibir o uso das redes sociais não garante foco e aumento de produtividade nas tarefas do trabalho. Além disso, elas não são os únicos meios que podem se tornar ferramentas de distração. Existem os e-mail, telefones, conversas paralelas nos corredores ou nas reuniões também são exemplos de recursos que podem virar distrações.

 

Benefícios

As redes sociais podem ser utilizadas como ferramentas de engajamento e a empresa pode utilizar isso à favor dela, visto que ela pode divulgar vagas, mostrar como é o dia a dia e despertas nos seguidores a vontade de trabalhar na empresa, e também criar um novo canal de comunicação com eles através das redes sociais. Ainda, você pode utilizar as redes como Programas de Incentivo, para as equipes usarem as suas redes sociais para compartilhar, divulgar conteúdos específicos da empresa, em troca de uma recompensa. 

 

Malefícios

Entretanto, quando não se há um uso equilibrado, as redes sociais podem trazer alguns malefícios como diminuição da produtividade, visto que os colaboradores perdem o foco e se distraem diversos momentos do dia pegando o celular ou o computador para conferir algo em suas redes.

 

Regras e Políticas de Uso

Ainda, depende muito das regras e políticas da empresa, como por exemplo: em uma empresa de Marketing digital, o uso das redes sociais é indispensável, então os colaboradores acabam tendo essa liberdade para acessar tanto as redes de uso profissional para a empresa quanto a pessoal. 

Já em uma empresa de outro segmento, o qual não faz uso frequente da internet, a política e regras já se tornam diferentes. Nesse caso, a empresa pode optar por uma gestão e controle de internet, onde os colaboradores possuem um acesso limitado das redes sociais. Dessa forma, é possível tornar o acesso mais correto das redes no ambiente corporativo.

 

Então…

 

As redes sociais tem seus benefícios quando usadas corretamente, porém também possui seus malefícios quando utilizada de maneira demasiada no trabalho. As regras e as políticas de uso variam de acordo com o ambiente de trabalho. 

 

Quer saber mais sobre comunicação interna? Confira nossos outros posts no blog e veja como você pode melhorar a comunicação da empresa com seus colaboradores.